25/10/2011

Sobre o interesse próprio


"A busca do interesse próprio, tal como é geralmente concebido, corresponde a uma vida sem qualquer significado que não o nosso próprio prazer ou satisfação individual. Uma vida assim é, frequentemente, uma empresa que se anula a si própria. Os antigos conheciam o «paradoxo do hedonismo», segundo o qual quanto mais explicitamente nós perseguíssemos o nosso desejo de prazer, mais inapreensível descobriríamos a sua satisfação. Não há razão para acreditar que a natureza humana mudou tão drasticamente a ponto de tornar inaplicável esta sabedoria antiga".

Peter Singer (2005) Como havemos de viver? A ética numa época de individualismo, Dinalivro, pp. 49-50.


Gostou deste artigo? Receba outros por e-mail, assine a nossa newsletter. Digite aqui o seu e-mail:

Este artigo, com comentários, encontra-se no seguinte tema: ,

Escreva aqui os seus comentários ao artigo "Sobre o interesse próprio":

5 Domingos Faria: Sobre o interesse próprio "A busca do interesse próprio, tal como é geralmente concebido, corresponde a uma vida sem qualquer significado que não o nosso própr...
< >